Chia: vantagens e benefícios.

Chia

Fácil de ser consumida, a chia, pode ser misturada a saladas, sucos, vitamina e diversas outras receitas. Ela contém alto teor de ácidos graxos, tipos de gorduras consideradas benéficas ao organismo, sendo rica em ômega 3.

Além disso, também contém carboidratos considerados de baixo índice glicêmico, pois aproximadamente 34,4% da porção de 100 g da semente é composta por fibras alimentares. Por fim, a semente ainda contém compostos fenólicos sendo considerada uma fonte natural de antioxidantes.

Sua semente é considerada como uma boa fonte proteica por possuir um alto teor de proteínas, sendo em sua maior parte aminoácidos essenciais, ou seja, aqueles que não são produzidos pelo nosso organismo.

Mas o forte dessa semente mesmo são as fibras, duas colheres de chia contêm 8,6 g delas. Como temos que consumir 25 gramas dessas substâncias ao dia, isso quer dizer que uma porção tem 34% das fibras de que precisamos diariamente.

 

                                          

Quais os benefícios da chia?

 

Ajuda a emagrecer: A sensação de saciedade é seu grande trunfo. Suas fibras têm a capacidade de absorver muita água, transformando-se em uma espécie de gel. Quando ingerida, a reação é semelhante. Em contato com os sucos gástricos, suas fibras se transformam nesse gel. É esse mecanismo um dos fatores que favorecem a saciedade e, consequentemente, acarreta um menor consumo de alimentos.

Previne doenças cardiovasculares: seu consumo auxilia na prevenção de doenças como infarto, derrame e hipertensão graças as suas grandes quantidades de ômega 3. Esse ácido graxo reduz a formação de coágulos sanguíneos e arritmias, além de diminuir o colesterol circulante no sangue. Além disso, o ômega-3 ajuda na regulação da pressão dos vasos sanguíneos, uma vez que aumenta a fluidez do sangue, evitando o aumento da pressão arterial.

Regula o colesterol: de toda gordura que compõe a chia, aproximadamente 77% são formados por ácidos graxos ômega 3 e ômega 6. Essas gorduras têm como uma de suas principais propriedades reduzir o colesterol ruim (LDL) e aumentar o colesterol bom (HDL), além de baixar os triglicérides na corrente sanguínea.

Efeito desintoxicante: os antioxidantes de sua composição, são responsáveis por auxiliar na desintoxicação do fígado, além de impedir a formação de radicais livres que agem destruindo as membranas celulares e desencadeando o processo de envelhecimento.

Fonte de cálcio: por ter bastante cálcio, a chia é uma alternativa para indivíduos que têm intolerância à lactose, necessitando de fontes alternativas desse mineral.

Fortalece a imunidade: por conter minerais como o selênio e zinco, que auxiliam o sistema imunológico, a chia é importante para reforçar as defesas, afastando doenças como gripes, resfriados e processos infecciosos

 

 

Qual a quantidade recomendada de chia?

 

Os especialistas dizem que não há uma quantidade diária estabelecida para o consumo da chia. No entanto, estudos conduzidos em humanos que obtiveram resultados positivos utilizaram 25 g da semente, aproximadamente duas colheres de sopa, uma vez ao dia.

 

Como consumir a chia?

 

Ela pode ser consumida crua, triturada ou em forma de gel ou na forma de óleo. A semente mantém suas propriedades em todas estas formas de consumo. Veja como usá-la:

Em forma de gel: deixe uma colher de sopa da semente de molho em 60 ml de água durante aproximadamente 30 minutos. O ideal é consumir o gel assim que ele estiver formado, não sendo recomendado guardar a mistura para comer depois. Depois que a goma é formada, você pode consumi-la na forma pura sem acompanhamentos ou usá-la no preparo de mingau, sopas, batida em sucos ou em receitas de bolo e até adicionando à molhos de massas, por exemplo.

Substitua os ovos das receitas: o gel formado pela chia pode ser um ótimo substituto do ovo em receitas. Misturando uma colher de sopa da farinha de chia com 60 ml de água, você obtém uma quantidade de gel suficiente para substituir um ovo em qualquer preparação.

Semente seca: em vez de produzir o gel, você pode fazer diferente e adicionar a semente a líquidos como sucos, iogurtes e vitaminas. Uma sugestão é comer a porção no lanche entre as refeições, pois um pote de iogurte desnatado (160 ml) com uma colher de sopa de chia contém apenas 70 calorias.

 

Riscos

 

A chia é um carboidrato, apesar de conter fibras, em excesso, pode levar ao aumento de peso, constipação intestinal (principalmente se o indivíduo não tomar quantidade suficiente de água) e pode levar a desconfortos gástricos uma vez que retarda a saída dos alimentos do estômago.

O consumo excessivo de fibras pode interferir negativamente na absorção de minerais como cálcio e zinco.

 

Onde encontrar?

 

No Rakuten Shopping temos a loja Sabor em Grãos, especializada em alimentos saldáveis sempre selecionando o melhor para você.

 

E você, já usa Chia no seu dia-a-dia?

 

Gostou das informações? Então deixe seu comentário no aqui Blog, siga nossas redes sociais e assine nossa Newsletter para receber nossas próximas postagens.

Comente via Facebook

Comentários

23
1

1 Comment

  1. Micheal 9 de março de 2017

    Estimado Ped:erSiompre que en una receta diga sazonar, eso significa condimentar o salpimentar, es decir, sazonar es aportarle sabor mas nunca cocinar. Lo invito a checar el consejo que lleva por nombre Diccionario Culinario donde muchas de sus dudas quedarán aclaradas. Saludos.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.